Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/6319
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCoração, Cláudio Rodriguespt_BR
dc.contributor.authorRodrigues, Mariana Viana Rennó-
dc.date.accessioned2023-12-18T18:00:12Z-
dc.date.available2023-12-18T18:00:12Z-
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.citationRODRIGUES, Mariana Viana Rennó. Mais do que sangue, informação: noção de pertencimento e carga social do jornal Super Notícia. 2017. 103 f. Monografia (Graduação em Jornalismo) - Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/6319-
dc.description.abstractO segmento popular do jornalismo apresenta características latentes e alcançam um público específico. Adotamos como objeto de estudo o Super Notícia, um dos jornais impressos de maior circulação no Brasil. Este trabalho busca entender a relação que o jornal estabelece com os leitores, considerando seu universo cultural. Primeiramente, apresentamos um histórico da imprensa e de que forma o jornalismo popular se insere nele. Refletimos sobre a identificação do leitor com o veículo, promovida por elementos de representação cultural que formam um ethos próprio. Analisamos sete edições publicadas em 2016 para constatar o que, de fato, é o conteúdo do Super, identificando, evidenciando e interpretando aspectos discursivos, visuais e fotográficos para tentar decifrar os motivos que levam o jornal a ser fenômeno de vendas.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectJornalismo popularpt_BR
dc.subjectEthospt_BR
dc.subjectIdentificaçãopt_BR
dc.subjectSensacionalismopt_BR
dc.subjectImprensapt_BR
dc.titleMais do que sangue, informação : noção de pertencimento e carga social do jornal Super Notícia.pt_BR
dc.typeTCC-Graduaçãopt_BR
dc.rights.licenseEste trabalho está sob uma licença Creative Commons BY-NC-ND 4.0 (https://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/?ref=chooser-v1).pt_BR
dc.contributor.refereeTavares, Frederico de Mello Brandãopt_BR
dc.contributor.refereeRodrigues, Hila Bernardete Silvapt_BR
dc.contributor.refereeCoração, Cláudio Rodriguespt_BR
dc.description.abstractenThe popular segment of the press has latent features and reaches a specific audience. We adopted as study object the Super Notícia, one of the newspapers with the largest circulation in Brazil. This research seeks to understand the relationship that the newspaper establishes with readers, considering their cultural universe. First, we present the history of the press and how popular journalism is embedded in it. We reflect on the identification of the reader with the vehicle, promoted by elements of cultural representation that form an own ethos. We analyzed seven editions published in 2016 to see what, in fact, is the content of Super Notícia, identifying, evidencing and interpreting the discursive, visual and photographic aspects to try to decipher the reasons that lead this newspaper to be a sales phenomenon.pt_BR
dc.contributor.authorID13.1.9092pt_BR
Appears in Collections:Jornalismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_MaisQueSangue.pdf10,63 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.