Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/1173
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorArbia, Alexandre Aranhapt_BR
dc.contributor.authorMendonça, Gabriela de Souza-
dc.date.accessioned2018-07-25T18:01:38Z-
dc.date.available2018-07-25T18:01:38Z-
dc.date.issued2018-
dc.identifier.citationMENDONÇA, Gabriela de Souza. A indústria de cosméticos e a mercantilização do envelhecimento. 2018. 62 f. Monografia (Graduação em Serviço Social) - Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal de Ouro Preto, Mariana, 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/1173-
dc.description.abstractO presente estudo apresenta uma contextualização do processo de se envelhecer na ordem do capital, tem como objetivo analisar as estratégias do capital para manter ativa na realização global do valor a parcela da classe trabalhadora “inapta” para o trabalho produtivo, mais precisamente, os setores da força de trabalho que chegaram à velhice. Assim, o recorte sobre este elemento se propôs a analisar a “mercantilização da velhice” dentro de um contexto que valoriza a juventude. Como, também, problematizar o mito da “sociedade de consumo” e o “setor de serviços” como estratégias de lucro. Trazendo, assim, como referência a indústria de cosméticos, que percebeu a oportunidade de negócios no processo de envelhecimento baseando nas influências e padrões impostos pela sociedade do capital, mais precisamente, na esfera da circulação, onde pode realizar parte do capital industrial. Para alcançar os objetivos, o trabalho for norteado pelo método crítico dialético de Marx, uma vez que este possibilita compreender com totalidade a realidade de se viver em uma sociedade de classes.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsopen accesspt_BR
dc.subjectCapital - economiapt_BR
dc.subjectTrabalhopt_BR
dc.subjectEnvelhecimento humanopt_BR
dc.titleA indústria de cosméticos e a mercantilização do envelhecimento.pt_BR
dc.typeTCC-Graduaçãopt_BR
dc.rights.licenseAutorização concedida à Biblioteca Digital de TCC’s da UFOP pelo(a) autor(a) em 25/07/2018 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.pt_BR
dc.contributor.refereeMayer, André Luiz Monteiropt_BR
dc.contributor.refereeSilva, Marlon Garcia dapt_BR
dc.contributor.refereeArbia, Alexandre Aranhapt_BR
dc.description.abstractenThe aim of this study is to contextualize the aging process from the point of view of the captalism, which aims to analyse captalism strategies to keep active the value of part of the working class that is not able to work and produce anymore, mostly the workers who have reached old age. Therefore, this study set out to analyze the “commodification of old age”, in a contexto that valorizes youth. Thus to question the “consumer society” and the “service sector” as profit strategies. Bringing, therefore, as a reference to the cosmetics industry, who realized the business opportunity in the process of aging based on influences and standards imposed by society, more precisely, in the sphere of circulation, where it can be part of the industrial capital. To reach the objectives, the critical and dialectical method of Marx was bounded, once it enables to fully understand the reality that is to live in a class society.pt_BR
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_IndústriaCosméticosMercatilização.pdf2,08 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons