Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/6521
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCunha, Simone de Fátima Viana dapt_BR
dc.contributor.authorPereira, Yara Alice de Freitas-
dc.date.accessioned2024-02-26T12:45:10Z-
dc.date.available2024-02-26T12:45:10Z-
dc.date.issued2023pt_BR
dc.identifier.citationPEREIRA, Yara Alice de Freitas. A contribuição da técnica dietética no desenvolvimento de sobremesa proteica. 2023. 34 f. Monografia (Graduação em Nutrição) - Escola de Nutrição, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2023.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/6521-
dc.description.abstractO propósito desta pesquisa foi empregar técnicas dietéticas, que consistem em abordagens direcionadas à seleção e preparação de alimentos adaptados às necessidades nutricionais individuais. O foco foi no desenvolvimento de uma sobremesa nutritiva destinada à gastronomia hospitalar. Este campo engloba a elaboração de refeições que atendem às exigências nutricionais específicas de crianças, considerando suas faixas etárias, condições médicas e preferências alimentares. O objetivo é promover a recuperação e o bem estar durante o período em que as crianças estão sob cuidados médicos. Após a definição das preparações, foram elaboradas as fichas técnicas de preparo de cada sobremesa, determinando a composição centesimal e os custos. As sobremesas foram confeccionadas no Laboratório de Técnica Dietética da Escola de Nutrição – ENUT da Universidade Federal de Ouro Preto – UFOP. Em média, foram realizados cerca de 15 testes, que resultaram em 5 manjares diferentes, foram eles: padrão-M1 e testes-M2, M3, M4 e M5, e duas caldas, C1 e C2. Para preparar o M1 foram utilizados os seguintes ingredientes: leite integral, leite de coco, gelatina sem sabor e açúcar; para o preparo do M2 e M3 foi adicionado whey protein, onde na preparação M3 o açúcar foi substituído por xilitol; para o preparo do M4, o leite integral foi substituído por iogurte grego e adicionado whey protein, e para o preparo do M5 o leite integral foi substituído pelo iogurte grego e o açúcar pelo xilitol, e adicionado whey protein; para a calda C1 utilizou-se: ameixa seca, água e açúcar; e para a calda C2 utilizou se: ameixa seca, água e xilitol. Em cada 100g de manjar foram adicionados 20 g de calda, resultando em 120 g de manjar, peso esse estabelecidos pela INSTRUÇÃO NORMATIVA-IN Nº 75, DE 8 DE OUTUBRO DE 2020 para sobremesas. O total de proteína de M1 foi de 4,46 g, e o custo dessa receita foi de R$: 1,15; já para M2 o total de proteína foi de 5,81 g e o custo dessa receita foi de R$: 2,10; na preparação M3 o total de proteína foi de 5,16 g e o custo dessa receita foi de R$: 4,70; para M4 o total de proteína foi de 8,57 g e o custo dessa receita foi de R$: 3,60; para M5 o total de proteína foi de 7,88 g e o custo dessa receita foi de R$ 6,80. Os manjares apresentaram os seguintes valores calóricos: M1= 213,39 Kcal; M2=222,27; Kcal, M3= 188,16; Kcal, M4= 292,27; Kcal e M5= 251,95 Kcal. Esse tipo de sobremesa é de fácil elaboração, baixo custo e pode ser uma opção para o cardápio hospitalar com o propósito de ser uma sobremesa que pode auxiliar na prevenção da desnutrição energético-proteica pediátrica, inserindo proteína e aumentando a ingestão calórica.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectTranstornos da nutrição Infantilpt_BR
dc.subjectHospitalizaçãopt_BR
dc.subjectProteínas do soro do leitept_BR
dc.subjectSuplementos nutricionaispt_BR
dc.subjectServiço hospitalar de nutriçãopt_BR
dc.subjectCustospt_BR
dc.titleA contribuição da técnica dietética no desenvolvimento de sobremesa proteica.pt_BR
dc.typeTCC-Graduaçãopt_BR
dc.contributor.refereeCunha, Simone de Fátima Viana dapt_BR
dc.contributor.refereeRibeiro, Silvana Mara Luz Turbinopt_BR
dc.contributor.refereeToffolo, Mayla Cardoso Fernandespt_BR
dc.description.abstractenThe purpose of this research was to employ dietary techniques, which consist of approaches directed towards the selection and preparation of foods tailored to individual nutritional needs. The focus was on developing a nutritious dessert intended for hospital gastronomy. This field encompasses the creation of meals that meet the specific nutritional requirements of children, considering their age groups, medical conditions, and dietary preferences. The aim is to promote recovery and well-being during the period when children are under medical care. After defining the preparations, technical sheets were drawn up for the preparation of each dessert, determining the centesimal composition and costs. The desserts were made in the Laboratory of Dietary Technique of the School of Nutrition - ENUT of the Federal University of Ouro Preto - UFOP. On average, about 15 tests were conducted, resulting in 5 different desserts, namely: standard-M1 and tests-M2, M3, M4, and M5, and two syrups, C1 and C2. To prepare M1, the following ingredients were used: whole milk, coconut milk, unflavored gelatin, and sugar; for the preparation of M2 and M3, whey protein was added, with xylitol replacing sugar in preparation M3; for the preparation of M4, whole milk was replaced by Greek yogurt and whey protein was added, and for the preparation of M5, whole milk was replaced by Greek yogurt, sugar was replaced by xylitol, and whey protein was added; for syrup C1, dried plum, water, and sugar were used; and for syrup C2, dried plum, water, and xylitol were used. In each 100g of dessert, 20g of syrup was added, resulting in 120g of dessert, a weight established by INSTRUCTION NORMATIVE-IN No. 75, OF OCTOBER 8, 2020 for desserts. The total protein of M1 was 4.46g, and the cost of this recipe was R$1.15; for M2, the total protein was 5.81g and the cost of this recipe was R$2.10; in preparation M3, the total protein was 5.16g and the cost of this recipe was R$4.70; for M4, the total protein was 8.57g and the cost of this recipe was R$3.60; for M5, the total protein was 7.88g and the cost of this recipe was R$6.80. The desserts presented the following caloric values: M1 = 213.39 Kcal; M2 = 222.27 Kcal; M3 = 188.16 Kcal; M4 = 292.27 Kcal; and M5 = 251.95 Kcal. This type of dessert is easy to prepare, low cost, and can be an option for the hospital menu with the purpose of being a dessert that can help prevent pediatric energy-protein malnutrition, by providing protein and increasing caloric intake.pt_BR
dc.contributor.authorID17.2.5861pt_BR
Appears in Collections:Nutrição

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_ContribuiçãoTécnicaDietética.pdf844,43 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.