Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/6309
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAlves, Kerley dos Santospt_BR
dc.contributor.advisorBicalho, Thiago Eduardo Freitaspt_BR
dc.contributor.authorLacerda, Anne Moraes-
dc.date.accessioned2023-12-14T17:17:48Z-
dc.date.available2023-12-14T17:17:48Z-
dc.date.issued2023pt_BR
dc.identifier.citationLACERDA, Anne Moraes. Agenciamento turístico: desafios da abertura e manutenção de agências de viagens em Santa Bárbara (MG). 2023. 61 f. Monografia (Graduação em Turismo) - Escola de Direito, Turismo e Museologia, Universidade Federal de Ouro Pretoo, Ouro Preto, 2023.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/6309-
dc.description.abstractNeste trabalho é abordado como temática o funcionamento de agências de viagens e turismo na cidade de Santa Bárbara, localizada no interior do estado de Minas Gerais. O interesse no tema surgiu em compreender como as agências conseguiram se manter durante a pandemia de Covid-19 e após, visto que a cidade possui pouco mais de 30 mil habitantes e não detém de um comércio de agenciamento e turismo muito predominante. O percurso metodológico deste estudo foi realizado por meio de levantamento bibliográfico e entrevistas semi estruturadas, em que a coleta de dados foi feita a partir de uma amostra reduzida, mas de forma aprofundada com proprietários (as) de três agências de viagens e turismo que atuam na cidade. Os resultados evidenciam que, apesar de serem de diferentes tipologias, todas possuem um problema em comum: a desvalorização profissional. Conclui-se que, de acordo com os relatos dos entrevistados, apesar da desvalorização por parte da gestão pública e dos moradores para com o trabalho oferecido e das dificuldades do enfrentamento da pandemia, as agências esperam prosperar e conseguir se manter firmes com o propósito de proporcionar o melhor para quem contratar seus serviços.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectTurismopt_BR
dc.subjectAgências de viagempt_BR
dc.subjectMinas Geraispt_BR
dc.subjectSanta Bárbarapt_BR
dc.titleAgenciamento turístico : desafios da abertura e manutenção de agências de viagens em Santa Bárbara (MG).pt_BR
dc.typeTCC-Graduaçãopt_BR
dc.rights.licenseEste trabalho está sob uma licença Creative Commons BY-NC-ND 4.0 (https://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/?ref=chooser-v1).pt_BR
dc.contributor.refereeAlves, Kerley dos Santospt_BR
dc.contributor.refereeBicalho, Thiago Eduardo Freitaspt_BR
dc.contributor.refereeCosta, Ricardo Dias dapt_BR
dc.contributor.refereeBraga, Solano de Souzapt_BR
dc.description.abstractenThis paper discusses the operation of travel and tourism agencies in the city of Santa Barbara, located in the interior of the state of Minas Gerais. The interest in the theme arose in understanding how the agencies managed to maintain themselves during the Covid-19 pandemic and after, since the city has just over 30,000 inhabitants and does not have a very predominant travel agency and tourism business. The methodological path of this study was carried out through a literature survey and semi-structured interviews, in which data collection was made from a small sample, but in depth with owners of three travel and tourism agencies operating in the city. The results show that, despite being of different types, they all have a common problem: the professional devaluation. We conclude that, according to the interviewees' reports, despite the devaluation by the public administration and the residents for the work offered and the difficulties of dealing with the pandemic, the agencies expect to prosper and to be able to stand firm with the purpose of providing the best for those who hire their service.pt_BR
dc.contributor.authorID18.1.6165pt_BR
Appears in Collections:Turismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_AgenciamentoTurísticoDesafios.pdf2,09 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons