Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/5826
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSantos, Zirlene Alves da Silvapt_BR
dc.contributor.authorAraujo, Matthews Henrique Cota-
dc.date.accessioned2023-08-18T14:33:26Z-
dc.date.available2023-08-18T14:33:26Z-
dc.date.issued2023pt_BR
dc.identifier.citationARAUJO, Matthews Henrique Cota. Análise comparativa da resistência ao desgaste em superfícies de aço 1020 lubrificadas com condicionador de metais em relação à lubrificação com graxa de lítio. 2023. 74 f. Monografia (Graduação em Engenharia Mecânica) - Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2023.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/5826-
dc.description.abstractO presente trabalho, o qual possui natureza qualitativa, teve como finalidade realizar uma análise comparativa sobre o desgaste abrasivo sofrido pelo Aço SAE 1020 lubrificado com condicionador de metais e por graxa à base de lítio. O desgaste abrasivo acarreta em um elevado número de interrupções inesperadas em maquinários que operam com materiais abrasivos e possuem movimento relativo entre superfícies. Para realização desta análise comparativa foi utilizado o Abrasômetro que segue os padrões da norma ASTM G65-16, que se encontra na Universidade Federal de Ouro Preto – UFOP. Tal equipamento realiza teste com parâmetros padronizados que simula o processo de desgaste abrasivo. O ensaio realizado compreende quatro etapas distintas: a caracterização do aço usado, a preparação dos corpos de prova, a preparação do abrasivo, a execução do ensaio propriamente dito, além do cálculo do volume desgastado. Os resultados alcançados demonstraram que o condicionador de metais não teve uma taxa de desgaste menor em relação à graxa de lítio, o que implica, apesar da evolução dos lubrificantes, é necessário uma maior avaliação do cenário onde tal lubrificante pode ser utilizado. Com isso, o estudo é importante para o aumento da disponibilidade física e confiabilidade dos equipamentos da indústria, na melhoria da vida útil das peças, na diminuição do desperdício de recursos físicos, além disso, é importante para a comunidade acadêmica que realiza estudos voltados à tribologia, área que possui extrema relevância para a engenharia.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectCondicionador de metais.pt_BR
dc.subjectDesgaste mecânicopt_BR
dc.subjectLubrificação e lubrificantes - graxapt_BR
dc.subjectDesgaste mecânico - ASTM G65-16pt_BR
dc.titleAnálise comparativa da resistência ao desgaste em superfícies de aço 1020 lubrificadas com condicionador de metais em relação à lubrificação com graxa de lítio.pt_BR
dc.typeTCC-Graduaçãopt_BR
dc.contributor.refereeLima, Margarida Márcia Fernandespt_BR
dc.contributor.refereeSantana, Cláudio Márciopt_BR
dc.contributor.refereeSantos, Zirlene Alves da Silvapt_BR
dc.description.abstractenThe present work, which has a qualitative nature, aimed to perform a comparative analysis of the abrasive wear suffered by SAE 1020 Steel lubricated with metal conditioner and lithium-based grease. Abrasive wear leads to a high number of unexpected interruptions in machinery operating with abrasive materials and having relative movement between surfaces. To carry out this comparative analysis, an Abrasimeter was used, following the ASTM G65-16 standard, which is located at the Federal University of Ouro Preto - UFOP. This equipment performs tests with standardized parameters that simulate the abrasive wear process. The conducted test comprised four distinct stages: characterization of the used steel, preparation of the test specimens, preparation of the abrasive, the actual execution of the test, and the calculation of the worn volume. The results obtained showed that the metal conditioner did not have a lower wear rate compared to lithium grease, which implies that, despite the evolution of lubricants, a more thorough evaluation of the scenario where such lubricant can be used is necessary. Therefore, this study is important to increase the physical availability and reliability of industrial equipment, improve the life span of components, reduce the waste of physical resources, and it is also relevant for the academic community conducting studies in tribology, an area of extreme importance for engineering.pt_BR
dc.contributor.authorID16.1.1559pt_BR
Appears in Collections:Engenharia Mecânica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_AnáliseComparativaResistência.pdf2,18 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons