Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/3835
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCarneiro, Cláudia Martinspt_BR
dc.contributor.advisorResende, Mariana Trevisanpt_BR
dc.contributor.authorLins, Luiza Marques Leitão-
dc.date.accessioned2022-01-25T23:30:25Z-
dc.date.available2022-01-25T23:30:25Z-
dc.date.issued2022pt_BR
dc.identifier.citationLINS, Luiza Marques Leitão. Avaliação de amostras rejeitadas e insatisfatórias de exames citopatológicos do colo do útero no setor de citologia do Laboratório de Análises Clínicas (LAPAC), em Ouro Preto-MG. 2022. 47 f. Monografia (Graduação em Farmácia) - Escola de Farmácia, Universidade Federal de Ouro Preto- UFOP, Ouro Preto, 2022.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/3835-
dc.description.abstractIntrodução: O câncer do colo do útero (CCU) é um problema de saúde pública em vários países incluindo o Brasil, e o método mais utilizado para rastrear e detectar as lesões precursoras é o exame de Papanicolaou, por ser de baixo custo e de rápido diagnóstico. Algumas variáveis podem ocorrer durante as fases de execução do exame, ocasionando amostras rejeitadas e insatisfatórias, portanto é necessário o monitoramento da qualidade, permitindo a identificação de falhas e informando as não conformidades em relação às Unidades Básicas de Saúde, com o objetivo de garantir que todas as etapas estejam dentro do preconizado. Objetivo: Avaliar o percentual de amostras rejeitadas e insatisfatórias de exames citopatológicos do colo do útero do setor de Citologia do Laboratório de Análises Clínicas (LAPAC), da Escola de Farmácia da Universidade Federal de Ouro Preto-MG. Metodologia: Realizou-se um estudo descritivo, transversal, retrospectivo, e de série histórica, e a partir da análise do banco de dados do setor de Citologia de resultados de exames citopatológicos, entre o período de 2014 e 2019. A extração de informações permitiu a análise dos resultados desses exames catalogados como rejeitados ou insatisfatórios. Resultados: O número total de exames recebidos foi de 32.463, sendo que 1,90% (618) foram rejeitadas. Das 31.845 amostras analisadas, 0,27% (86) amostras foram insatisfatórias para avaliação oncológica e 31.759 amostras foram catalogadas como satisfatórias. O principal motivo de rejeição foi ausência ou erro na identificação da lâmina, frasco ou formulário, e o principal motivo de insatisfatoriedade foi devido ao material acelular ou hipocelular (<10% do esfregaço). A principal faixa etária encontrada no estudo foi de 25-64 anos. Conclusão: O percentual de amostras insatisfatórias está dentro do preconizado, já o percentual de amostras rejeitadas foi maior do que o preconizado. Este percentual deve-se, principalmente, aos erros cometidos na fase pré-analítica, no momento da coleta. Os resultados deste estudo contribuem para uma melhor compreensão acerca da importância da rotina do monitoramento interno da qualidade.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectControle de qualidadept_BR
dc.subjectTeste de Papanicolaoupt_BR
dc.subjectCâncer - colo uterínopt_BR
dc.titleAvaliação de amostras rejeitadas e insatisfatórias de exames citopatológicos do colo do útero no setor de citologia do Laboratório de Análises Clínicas (LAPAC), em Ouro Preto-MG.pt_BR
dc.typeTCC-Graduaçãopt_BR
dc.contributor.refereeVeloso, Vanja Mariapt_BR
dc.contributor.refereePaiva, Nívia Carolina Nogueira dept_BR
dc.contributor.refereeResende, Mariana Trevisanpt_BR
dc.contributor.refereeCarneiro, Cláudia Martinspt_BR
dc.description.abstractenIntroduction: Cervical cancer (CC) is a public health problem in several countries including Brazil, and the most used method to screen and detect precursor lesions is the Pap smear, which is low cost and of fast diagnosis. Some variables can occur during the exam execution phases, causing rejected and unsatisfactory samples, therefore it is necessary to monitor the quality, allowing the identification of failures and reporting non-conformities to the Basic Health Units, thus ensuring that all steps are within the recommended. Objective: To evaluate the percentage of rejected and unsatisfactory cervical cytopathological exams samples from the Cytology sector of the Clinical Analysis Laboratory (LAPAC), School of Pharmacy, Federal University of Ouro Preto-MG. Methodology: A cross-sectional, retrospective study was carried out based on the analysis of the Cytology sector's database of cytopathological test results, from 2014 to 2019. The extraction of information allowed the analysis of the results of these tests cataloged as rejected or unsatisfactory. Results: The total number of exams received was 32,463, of which 1.90% (618) were rejected. Of the 31,845 samples analyzed, 0.27% (86) samples were unsatisfactory for oncological evaluation, and 31,759 samples were classified as satisfactory. The main reason for rejection was the absence or error in the identification of the slide, bottle or form, and the main reason for dissatisfaction was due to cellular or hypocellular material (<10% of the smear). The main age group found in the study was 25-64 years old. Conclusion: The percentage of unsatisfactory samples is within the recommended range, whereas the percentage of rejected samples was higher than recommended. This percentage is mainly due to errors made in the pre-analytical phase, errors that are predominant mainly at the time of collection. The results of this study contribute to a better understanding of the importance of routine internal quality monitoring, where it is possible to detect failures during all phases of the process, from collection to cytological diagnosis, so that they can be corrected later.pt_BR
dc.contributor.authorID14.2.2271pt_BR
Appears in Collections:Farmácia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_AvaliaçaoAmostrasRejeitadas.pdf1,15 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons