Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/2340
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCarneiro, Cláudia Martinspt_BR
dc.contributor.advisorMelo, Luísa Helena Perin dept_BR
dc.contributor.authorMendes, Thaís Fernanda Rodrigues Bastos-
dc.date.accessioned2020-01-06T18:36:13Z-
dc.date.available2020-01-06T18:36:13Z-
dc.date.issued2019-
dc.identifier.citationMENDES, Thaís Fernanda Rodrigues Bastos. Estudo da distribuição tecidual do benznidazol em camundongos submetidos a diferentes esquemas terapêuticos. 2019. 28 f. Monografia (Graduação em Ciências Biológicas) - Instituto de Ciências Exatas e Biológicas, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2019.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/2340-
dc.description.abstractO benznidazol (BNZ) é considerado medicamento de referência no tratamento da doença de Chagas (DCh) e o único disponível no Brasil, mesmo que apresentando como limitações efeitos colaterais diversos, falta de elucidação do mecanismo de ação e eficácia dependente da cepa do Trypanosoma cruzi. Existem evidências de que a indução de enzimas de biotransformação e/ou transporte pelo BNZ pode aumentar o clearance e/ou reduzir a absorção do medicamento. Os estudos da distribuição do BNZ entre os diferentes tecidos ainda são escassos na literatura e a correta determinação da distribuição tecidual do BNZ permitirá um melhor aporte para estudos farmacológicos e toxicológicos. Nosso estudo teve como objetivo estudar a distribuição tecidual do BNZ em diferentes esquemas terapêuticos no modelo camundongo. Foram utilizados 200 camundongos Swiss sadios distribuídos em cinco grupos experimentais (n=40): (1) Tratado com BNZ 200 mg/kg/dia por 20 dias; (2) Tratado com BNZ 100 mg/kg/dia por 20 dias; (3) Tratado com BNZ 40 mg/kg/dia por 20 dias; (4) Tratado com BNZ 100 mg/kg/dia por 40 dias; (5) Tratado com BNZ 40 mg/kg/dia por 40 dias. Os tecidos foram coletados nos tempos 0,16; 0,33; 0,5; 1; 2; 3; 6 e 12h após a administração do BNZ. Os órgãos selecionados foram o baço, duodeno, estômago, pulmão e rim. A quantificação do BNZ em órgãos foi feito em HPLC-DAD a partir do procedimento analítico desenvolvido e validado por nosso grupo de pesquisa. As análises foram avaliadas empregando o programa NONMEN v.7.3 e o programa R, versão 3.1.2. A distribuição do BNZ não ocorre de forma uniforme e os valores de distribuição tecidual não mostraram ser dose ou tempo-dependente para os órgãos analisados nesse estudo. Nossos dados reforçam a necessidade do desenvolvimento de novas formulações do BNZ que garantam distribuição tecidual mais homogênea e maior exposição e penetração tecidual.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsopen accesspt_BR
dc.subjectBenznidazolpt_BR
dc.subjectFarmacocinéticapt_BR
dc.subjectDoença de Chagaspt_BR
dc.titleEstudo da distribuição tecidual do benznidazol em camundongos submetidos a diferentes esquemas terapêuticos.pt_BR
dc.typeTCC-Graduaçãopt_BR
dc.contributor.refereeFonseca, Kátia da Silvapt_BR
dc.contributor.refereeBandeira, Lorena Cerapt_BR
dc.contributor.refereeCarneiro, Cláudia Martinspt_BR
dc.description.abstractenBenznidazole (BNZ) is considered a reference drug in the treatment of Chagas disease (DCh) and the only one available in Brazil, although its limitations include several side effects, lack of elucidation of the mechanism of action and Trypanosoma cruzi strain-dependent efficacy. There is evidence that BNZ induction of biotransformation and / or transport enzymes may increase clearance and / or reduce drug absorption. Studies of BNZ distribution among different tissues are still scarce in the literature and the correct determination of BNZ tissue distribution against multiple dose treatments will allow a better contribution to pharmacological and toxicological studies. Our study aimed to study the tissue distribution of BNZ in different therapeutic regimens in the mouse model. 200 healthy Swiss mice were used in five experimental groups (n = 40): (1) treated with BNZ 200 mg / kg / day for 20 days; (2) Treated with BNZ 100 mg / kg / day for 20 days; (3) Treated with BNZ 40 mg / kg / day for 20 days; (4) Treated with BNZ 100 mg / kg / day for 40 days; (5) Treated with BNZ 40 mg / kg / day for 40 days. Tissues were collected at times 0.16; 0.33; 0.5; 1; 2; 3; 6 and 12h after administration of BNZ. The organs selected were the spleen, duodenum, stomach, lung and kidney. The quantification of BNZ in organs was done by HPLC-DAD from the analytical procedure developed and validated by our research group. The analyzes were evaluated using the NONMEN v.7.3 program and the R program, version 3.1.2. BNZ distribution does not occur evenly and tissue distribution values were not dose or time-dependent for the organs analyzed in this study. Our data reinforce the need for the development of new BNZ formulations that ensure more homogeneous tissue distribution and greater exposure and tissue penetration.pt_BR
dc.contributor.authorID14.2.4552pt_BR
Appears in Collections:Ciências Biológicas - Bacharelado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_EstudoDistribuiçãoTecidual.pdf1,02 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons