Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/1382
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorMatos, Getúlio Alves de Souzapt_BR
dc.contributor.authorMachado, Bruna Marques Aguiar-
dc.date.accessioned2018-10-10T15:05:27Z-
dc.date.available2018-10-10T15:05:27Z-
dc.date.issued2017-
dc.identifier.citationMACHADO, Bruna Marques Aguiar. Aplicação dos indicadores de análise fundamentalista e retorno esperado a empresas de utilidade pública da BM&FBovespa. 2017. 62 f. Monografia (Graduação em Ciências Econômicas) - Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal de Ouro Preto, Mariana, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.monografias.ufop.br/handle/35400000/1382-
dc.description.abstractO presente trabalho busca analisar os principais indicadores fundamentalistas das 15 empresas que compõem o Índice de Utilidade Pública (UTIL) listadas na BM&FBovespa de janeiro de 2011 a dezembro de 2015, assim como calcular o retorno esperado que cada ação que compõe o índice e seus respectivos riscos (betas), verificando se há uma relação entre os resultados encontrados. O método utilizado na pesquisa para a análise fundamentalista foi o cálculo dos indicadores de liquidez, endividamento, rentabilidade e de mercado, tendo como base as demonstrações contábeis das companhias retiradas da base Quantum, como também informações disponíveis nos sites das empresas. Para o cálculo do retorno esperado foi empregado o modelo de precificação de ativos, do inglês CAPM (Capital Asset Pricing Model). Os resultados encontrados mostram que as companhias possuem índices de liquidez e endividamento satisfatórios, ou seja, conseguem cumprir com as obrigações de curto e longo prazo e possuem grau de endividamento relativamente baixo. Os índices de rentabilidade foram muito baixos, pois os lucros líquidos das companhias são inferiores em relação às suas vendas líquidas, ao ativo e patrimônio líquido. Os índices de mercado oscilaram muito entre as empresas, contudo o indicador valor patrimonial da ação foi o mais satisfatório nesse grupo. Os retornos esperados das ações foram relativamente baixos, em decorrência ao comportamento negativo do índice Ibovespa nos anos da amostra. Constatou-se que os betas de cada ativo apresentaram valores inferiores a 1, o que indica que as ações de todo o setor possuem um risco sistemático baixo e comportam-se de maneira defensiva, ou seja, oscilam menos que o mercado.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsopen accesspt_BR
dc.subjectAnálise de balançopt_BR
dc.subjectIndicadores econômicospt_BR
dc.titleAplicação dos indicadores de análise fundamentalista e retorno esperado a empresas de utilidade pública da BM&FBovespa.pt_BR
dc.typeTCC-Graduaçãopt_BR
dc.rights.licenseAutorização concedida à Biblioteca Digital de TCC’s da UFOP pelo(a) autor(a) em 26/09/2017 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.pt_BR
dc.contributor.refereeMatos, Getúlio Alves de Souzapt_BR
dc.contributor.refereeBarros, Thiago de Sousapt_BR
dc.contributor.refereeSantos, Thaís Alves dospt_BR
dc.description.abstractenThis research aims to analyze the main fundamentalist indicators of the 15 companies that composes the Public Utility Index - Índice de Utilidade Pública (UTIL) listed in BM&F Bovespa from january, 2011 to december, 2015, as well as to calculate the expected return that each stock that composes the portfolio and its respective risks (betas), verifying if there is a relation between the results found. The used method in the research for the fundamentalist analysis was the calculation of the liquidity, debt rate, profitability and market indicators, having as basis the companies' accounting statements, from the Quantum database, as well as information available in the companies' websites. For the calculation of the expected return, the asset pricing model, CAPM (Capital Asset Pricing Model) was used. The results found shows that the companies have satisfactory liquidity and debt rates, i.e., they can accomplish their obligations in short and long term and they have relatively low debt rates. The profitability indexes were very low, because the net profits of the companies are low compared to its net sales, assets, liabilities and net worth. The market indexes oscillated a lot among the companies, although the indicator of the stock equity value was the most satisfactory in this group. The expected returns of the stocks were relatively low, due to the negative behavior of the Ibovespa index during the years of the sample. It was found that the betas have presented values above 1, what indicates that the stocks of all the sector have a systemic risk and behaves in a defensive manner, i.e., oscillate less than the market.pt_BR
Appears in Collections:Ciências Econômicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA_AplicaçãoAnáliseEmpresas.pdf1,56 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons